06.02.24       Morning Portuguese  Murli        Om Shanti      BapDada        Madhuban


Essência:
Doces filhos, lembrem-se da história de sua vitória e derrota. Esta é uma peça de felicidade e tristeza. Há três quartos de felicidade e um quarto de tristeza. Felicidade e tristeza não são equivalentes.

Pergunta:
Como este drama ilimitado é muito maravilhoso?

Resposta:
Este drama ilimitado é tão maravilhoso, que tudo o que acontece no mundo inteiro a cada segundo, repete-se identicamente. Este drama continua a se mover como um piolho. Ele continua a tiquetaquear. Um tique-taque não pode ser igual ao próximo tique-taque. É por isso que este drama é muito maravilhoso. Qualquer papel que os seres humanos desempenhem – bom ou ruim – aquilo está fixo. Apenas vocês, filhos, entendem isso.

Om shanti.
O significado de Om shanti, foi explicado a vocês, filhos, porque agora vocês se tornaram conscientes da alma. A alma faz sua apresentação: Eu sou uma alma. A religião original da alma é paz. O plano para todas as almas é agora ir para casa. Quem lhes conta este plano de ir para casa? Definitivamente, seria o Pai quem lhes conta isso. Ó almas, o mundo velho agora vai terminar. Todos os atores agora vieram para cá. Restaram apenas algumas almas lá em cima. Todo mundo agora tem de voltar para casa. O papel então tem de se repetir. Originalmente, vocês filhos pertenciam à religião eterna e original das divindades. Vocês primeiro foram para a idade de ouro, então, ao renascerem, vocês agora vieram para o reino que não pertence a vocês. Apenas vocês, almas, sabem disso. Ninguém mais sabe. Vocês são filhos do único Pai. O Pai diz a vocês, filhos mais doces: Filhos, vocês agora desceram e caíram no reino estrangeiro de Ravan. Vocês perderam sua própria fortuna do reino. Agora faz 5 mil anos, desde que ela se tornou a idade de ouro, quando vocês pertenciam à religião das divindades. Vocês governaram por meio ciclo, porque definitivamente, vocês têm de descer a escada. Não esqueçam que vocês tiveram de ir da idade de ouro para a idade de prata e, então, para as idades de cobre e ferro. Lembrem-se da história de sua vitória e derrota. Vocês, filhos, sabem que na idade de ouro vocês eram residentes satopradhan da terra de felicidade. Então, ao renascerem, vocês entraram no estágio de total decadência na terra de tristeza. Vocês, almas, agora estão recebendo outra vez shrimat do Pai, porque as almas permaneceram separadas da Alma suprema por um longo tempo. Vocês, filhos, permaneceram separados por um longo tempo. Vocês foram os primeiros a ficar separados e, então, continuaram a desempenhar seu papel de felicidade. Então, sua fortuna do reino foi roubada. Vocês desempenharam papéis de tristeza. Vocês, filhos, agora têm de reivindicar sua fortuna do reino de felicidade e paz, uma vez mais. As almas dizem que deveria haver paz no mundo. Neste momento, por serem tamopradhan, há falta de paz no mundo. Esta é uma peça de paz e falta de paz, felicidade e tristeza. Vocês sabem que há 5 mil anos havia paz no mundo. O mundo incorpóreo é a terra de paz. Não há questão de falta de paz onde as almas residem. Na idade de ouro havia paz no mundo e, então, ao caírem houve falta de paz. Agora todos querem que haja paz no mundo. O grande elemento brahm não pode ser chamado de mundo. Aquele é chamado de brahmand onde as almas residem. A religião original das almas é paz. Quando uma alma se separa do corpo, ela se torna pacífica e, somente após tomar outro corpo, ela pode fazer algum som ou movimento. Por que vocês filhos agora vieram aqui? Vocês dizem: Baba, leve-nos para nossa terra de paz e terra de felicidade. Não há nenhum papel de felicidade ou tristeza na terra de paz ou terra de liberação. A idade de ouro é a terra de felicidade e a idade de ferro é a terra de tristeza. No quadro da escada é mostrado como vocês descem. Vocês descem a escada. Vocês sobem apenas uma vez. Vocês sobem ao se tornarem puros e descem ao se tornarem impuros. Sem se tornar puros, vocês não podem subir. É por isso que vocês clamam: Baba, venha e nos torne puros. Vocês primeiro irão para a pura terra de paz e, então, irão para a terra de felicidade. Primeiro, há felicidade e, então, tristeza. Há uma margem maior de felicidade. Não haveria nenhum benefício se fossem iguais; seria inútil então. O Pai explica: Neste drama predestinado, há três quartos de felicidade, e um quarto de tristeza; há pouca tristeza. É por isso que isso é chamado de uma peça de felicidade e tristeza. O Pai sabe que ninguém, exceto vocês, filhos, pode conhecê-Lo. Eu dei Minha própria apresentação, e também a apresentação do início, meio e fim do mundo. Eu os tornei teístas, a partir de ateus. Vocês conhecem os três mundos. O povo de Bharat sequer conhece a duração do ciclo. Apenas vocês sabem que Baba está ensinando vocês outra vez. O Pai veio na terra estrangeira em uma vestimenta incógnita. Baba também é incógnito. As pessoas conhecem a si mesmas fisicamente, mas elas não conhecem a alma. A alma é imperecível e o corpo é perecível. Vocês nunca deveriam se esquecer da alma ou do Pai da alma. Estamos reivindicando nossa herança do Pai ilimitado. Vocês receberão sua herança, quando se tornarem puros. Vocês estão impuros neste reino de Ravan e é por isso que vocês clamam ao Pai. Vocês têm dois pais. O Pai supremo, a Alma suprema é o único Pai de todas as almas. Não é que todos os irmãos sejam o Pai. Quando há extrema difamação da religião em Bharat, quando todos se esquecem do Pai parlokik das almas de todas as religiões, é então que Ele vem. Isto também é uma peça. Tudo o que acontece no drama continua a se repetir. Vocês almas vêm para desempenhar seu papel e voltar tantas vezes. Este drama continua eternamente a se mover como um piolho; ele nunca acaba. Ele continua a tiquetaquear, mas um tique-taque não pode ser igual a outro. Este é um drama maravilhoso. Segundo após segundo, tudo o que acontece no mundo, então se repetirá. Os atores principais de cada religião são todos mostrados. Cada um deles estabelece sua própria religião. Eles não estabelecem um reino. É apenas o Pai supremo quem estabelece uma religião, um reino e uma dinastia também. Aquelas pessoas estabelecem uma religião e todos têm de segui-las. Quem leva todos de volta? O Pai. Alguns desempenham um papel muito curto e, então, tudo acaba. Como insetos e germes, eles emergem e morrem. É como se eles não tivessem nenhum significado no drama. Para onde sua atenção é puxada? Ao Criador, a quem todos dizem: Ó Deus Pai! Ó Pai supremo, Alma suprema! Ele é o Pai de todas as almas. Primeiro, havia a religião eterna e original das divindades. Esta é uma grande árvore ilimitada. Há tantas opiniões, e uma variedade de coisas tem emergido. Fica até difícil contá-las. Não há nenhuma fundação. Todo o resto ainda está aqui. O Pai diz: Filhos mais doces, Eu venho quando todas as outras religiões estão aqui, mas a única religião não existe. A fundação desapareceu e apenas restam suas imagens. Havia apenas a única religião eterna e original. Todo o resto veio depois. Há muitos na idade de prata que não vão para o paraíso. Vocês agora estão se empenhando para ir ao paraíso, ao mundo novo. O Pai diz: Vocês irão ao paraíso quando se lembrarem de Mim e se tornarem puros, e também assimilarem virtudes divinas. No entanto, há muitos ramos e galhos da árvore. Vocês filhos conhecem a árvore e como todas aquelas divindades eternas e originais existiram no paraíso. Agora o paraíso não existe mais. Agora é o inferno. É por isso que o Pai mandou fazer o questionário: Perguntem ao seu coração, se vocês são um residente do paraíso da idade de ouro, ou um residente do inferno da idade de ferro? Vocês descem da idade de ouro para a idade de ferro. Nesse caso, como vocês subirão de novo? O Pai está lhes dando ensinamentos: Como vocês se tornarão satopradhan a partir de tamopradhan? Considerem-se uma alma e lembrem-se de Mim e, com este fogo do yoga, seus pecados serão absolvidos. Eu também lhes ensinei conhecimento e os tornei divindades no ciclo anterior. Vocês agora se tornaram tamopradhan. Então, definitivamente deve haver alguém que os torna satopradhan. Nenhum ser humano pode ser o Purificador. Quando as pessoas dizem “Ó Purificador! Ó Deus!”, o intelecto vai lá para cima. Ele é o Incorpóreo. Todos os demais são atores. Eles continuam a renascer. Eu estou além de renascimento. Este drama é predestinado. Ninguém o conhece. Vocês também não o conheciam. Agora vocês são chamados de giradores do disco da autorrealização. Vocês permanecem estáveis na religião da alma. Tenham a fé de que vocês são uma alma. O Pai explica como este ciclo do mundo gira. É por isso que vocês são chamados de giradores do disco da autorrealização. Ninguém mais tem este conhecimento. Então, vocês deveriam ter muita felicidade. O Pai é o nosso Professor. Ele é um Baba muito doce. Não há ninguém tão doce como Baba. Vocês, filhos do Pai parlokik, são as almas que residem em Parlok (mundo além). O Pai também reside na morada suprema. Um pai físico tem filhos, os sustenta e no fim, lhes dá tudo, porque eles são seus herdeiros; esta é uma regra. Similarmente, vocês também têm de se tornar os filhos do Pai ilimitado. O Pai diz: Agora, todos têm de ir além do som, para casa. Lá, há silêncio, depois cinema mudo e, então, cinema falado. Alguns filhos vão para a região sutil e têm visões. A alma não deixa o corpo. Tudo o que está fixo no drama repete-se segundo após segundo. Um segundo não pode ser igual ao outro. Qualquer papel que um ser humano desempenhe – bom ou ruim – está fixo. Na idade de ouro, o papel é bom, e na idade de ferro, o papel é ruim. Na idade de ferro, as pessoas são muito infelizes. Coisas sujas não existem no reino de Rama. O reino de Rama e o reino de Ravan, não podem existir ao mesmo tempo. Por não conhecerem o drama, elas dizem que Deus dá tanto felicidade como tristeza. Assim como ninguém conhece Shiv Baba, então também, ninguém conhece Ravan. Elas celebram o aniversário de Shiva todos os anos e também celebram a morte de Ravan todos os anos. Agora, o Pai ilimitado está lhes dando Sua apresentação: Considerem-se uma alma e lembrem-se de Mim, seu Pai. O Pai é muito doce. Baba não Se sentaria e cantaria Seu próprio louvor. Aqueles que recebem felicidade Dele cantam Seu louvor. Vocês filhos recebem a herança do Pai. O Pai é o Oceano de amor. Então, na idade de ouro, vocês são adoráveis e doces. Se alguém disser que lá os vícios também existem, digam-lhe que lá não existe nenhum reino de Ravan. O reino de Ravan existe na idade de cobre. Tudo é explicado a vocês tão bem. Ninguém mais conhece a história e geografia do mundo. Apenas nesta época isso é explicado a vocês. Então, vocês se tornam divindades. Não há ninguém mais elevado que as divindades. É por isso que não há nenhuma necessidade de adotar gurus lá. Aqui, há tantos gurus. Existe apenas Um Satguru. Os sikhs falam do Satguru imortal. Apenas o Satguru é a Imagem imortal. Ele é a Morte de todas as mortes, a Grande morte. Aquela morte vem e leva uma pessoa. O Pai diz: Eu levo todos de volta. Eu torno todos puros, e primeiro, levo vocês para a terra de paz e, então, os envio para a terra de felicidade. É dito daqueles que pertencem a Mim e, então, pertencem a Maya: Aqueles que difamam o Satguru não podem reivindicar um status elevado. Eles não seriam capazes de receber a felicidade completa do paraíso. Eles se tornariam parte dos súditos. O Pai diz: Filhos, não Me difamem. Eu os torno senhores do paraíso e, então, vocês também têm de assimilar virtudes divinas. Vocês não devem causar tristeza a ninguém. O Pai diz: Eu vim para torná-los senhores da terra de felicidade. O Pai é o Oceano de amor, enquanto os seres humanos causam oceanos de tristeza. Eles usam a espada da luxúria e causam tristeza um ao outro. Lá, estas coisas não existem; é o reino de Rama. Os filhos nascem pelo poder do yoga. Com este poder do yoga, vocês tornam o mundo inteiro puro. Vocês são guerreiros, mas desconhecidos. Vocês ficam famosos e, então, no caminho de devoção, tantos templos são construídos para vocês, deusas. É dito que a urna do néctar é colocada na cabeça das mães. É dito: A mãe vaca. Isto é conhecimento; não é uma questão de água. Vocês são o Exército Shiv Shakti. Aquelas pessoas copiam vocês e se tornaram gurus. Vocês agora estão sentados no barco da verdade. As pessoas cantam: Atravesse meu barco. Vocês agora encontraram o Barqueiro para atravessar seu barco. Ele os leva do bordel para Shivalaya. Ele também é chamado o Senhor do jardim. Ele torna esta floresta de espinhos naquele jardim florido. Lá, não há nada além de felicidade, enquanto aqui há tristeza. No folheto que Baba lhes pediu para imprimir, está escrito: Perguntem ao seu coração: Vocês são um residente do paraíso ou um residente do inferno? Vocês podem fazer muitas perguntas. Todos dizem que há corrupção. Certamente, em alguma época, deve ter havido seres elevados também. Havia divindades, mas eles não existem agora. É quando a religião das divindades desaparece que Deus tem de vir para estabelecer a única religião. Portanto, vocês estão estabelecendo o paraíso ao seguirem shrimat. Achcha.

Aos filhos mais doces, amados, há muito perdidos e agora encontrados: amor, lembranças e bom dia da Mãe, do Pai, BapDada. O Pai espiritual diz namaste aos filhos espirituais.

Essência para Dharna:
1. Tornem-se um oceano de amor, como o Pai, não um oceano de tristeza. Não desempenhem nenhuma ação que difame o Pai. Tornem-se muito doces e adoráveis.

2. Tornem-se puros com o poder do yoga e façam com que outros se tornem assim também. Façam o serviço de mudar a floresta de espinhos em um jardim de flores. Permaneçam sempre felizes por seu doce Baba também ser o Pai e o Professor. Ninguém é tão doce como Ele.

Bênção:
Que vocês sejam os amados reais no presente que recebem o amor e a afeição de Deus e, portanto, também no futuro.

Na idade da confluência, somente vocês, filhos afortunados, são dignos de receber amor e afeição do Confortador de corações. Apenas um punhado dentre milhões recebe esse amor e afeição de Deus. Com esse amor e essa afeição divinos, vocês se tornam os amados reais. Amados reais significa ser real (royal) agora e real também no futuro. Mesmo antes de se tornarem assim no futuro, vocês se tornaram autossoberanos neste momento. Assim como o louvor do reino futuro é: “Um reino, uma religião”, da mesma forma, o reino de cada alma aqui está unido sob um toldo, acima de todos os sentidos físicos.

Slogan:
Aqueles que mostram o caráter do Pai com seus rostos são os amados por Deus.